quarta-feira

Livro com atraso de 47 anos

Mesmo antes de ser bibliotecário, achava estranho que algumas pessoas tivessem livros de bibliotecas atrasados várias semanas, meses e anos, e infelizmente quase todos os que frequentam bibliotecas já passaram pela situação de querer um livro e não o terem porque alguém se "esqueceu" de o devolver!!!

Ainda hoje e depois de já ter sido responsável por um serviço de empréstimo numa biblioteca pública, posso dizer que a maior parte das pessoas entrega os livros após a data de empréstimo. Qualquer pessoa sabe ou pode imaginar as muitas justificações que são apresentadas para isto acontecer - algumas delas são bastante hilariantes e podiam dar origem a um livro - mas o facto que nunca presenciei uma situação destas. O máximo de tempo de atraso que registei foi de c. de 650 dias.

Man returns library book 47 years later

Robert Nuranen handed the local librarian a book he'd checked out for a ninth-grade assignment ? along with a check for 47 years worth of late fees.

Nuranen said his mother misplaced the copy of "Prince of Egypt" while cleaning the house. The family came across it every so often, only to set it aside again. He found it last week while looking through a box in the attic.

"I figured I'd better get it in before we waited another 10 years," he said after turning it in Friday with the $171,32 check. "Fifty-seven years would be embarrassing."

The book, with its last due date stamped June 2, 1960, was part of the young Nuranen's fascination with Egypt. He went on to visit that country and 54 others, and all 50 states, he said, but he never did finish the book.

The library had long ago lost any record of the book, librarian Sue Zubiena said. "I'm going to use it as an example," she said. "It's never too late to return your books."


Apenas dois comentários:
- Concordo com a bibliotecária: Nunca é tarde para devolver os livros!
- Multas com este valor resolviam o problema dos orçamentos das bibliotecas.

2 comentários:

totoia disse...

Costumo requisitar livros nas bibliotecas públicas com frequência e confesso que nunca me preocupava muito com a data de entrega, mas há uns dois meses requisitei um livro técnico na biblioteca do ISCTE atrasei-me 14 dias na data de devolução, quando o fui levar paguei 14 euros de multa... Fiquei chocada, nunca tinha pago multa em lado nenhum, mas serviu-me de lição, nunca mais me atraso na entrega de nenhum livro seja em que biblioteca for.

Bruno Duarte Eiras disse...

Eu multas em dinheiro ainda nunca tive de pagar! Mas já fiquei alguns dias (poucos) de castigo! :-(